Psiquiatria & Psicologia - Granja Viana &  São paulo

Tel: 4702-6292

SMS/Whatsapp: 96603-1589

  • Facebook Clean
  • Blogger Clean
Aceitamos cartões de crédito e débito!

GRANJA VIANNA

The Square Open Mall   -   SALA 310 Bloco F

Rodovia Raposo Tavares Km22  

CEP 06709-015

 

JARDIM PAULISTA

Rua Bento de Andrade, 341

 

 

Este site obedece as orientações do Conselho Federal de Medicina e do Código de Ética Médica, que proíbe a apresentação de fotos de pacientes, resultados ou procedimentos. As informações nele contidas podem variar conforme cada caso e representam apenas uma idéia genérica de patologias e tratamentos, não substituíndo, em hipótese alguma, uma consulta médica tradicional e muito menos representando promessas de resultados.

 

Psiquiatria e Psicologia Granja Vianna © 2018

Responsável técnico pelo conteúdo  Dr Felipe SN Machado CRM129710

Anorexia

A anorexia nervosa é uma disfunção alimentar que leva a pessoa a apresentar um baixo peso corporal, e a falta de nutrientes, causando um estresse físico. É um transtorno complexo que envolve componentes psicológicos, fisiológicos e principalmente sociais. Uma pessoa com anoréxia pode apresentar também bulimia  e o distúrbio pode estar ligado a problemas de autoimagem. A taxa de mortalidade da anorexia nervosa é de aproximadamente 10%, uma das maiores entre qualquer transtorno psicológico. Quanto maior o tempo de doença, maior é o impacto negativo na capacidade de trabalho e de relacionamento dessas pessoas. A adolescência é um período crítico, pois é nesta fase que aproximadamente 90% da massa óssea de adultos é formada. Adolescentes que apresentam dietas muito restritivas ou sofrem de Anorexia Nervosa, podem apresentar osteopenia e osteoporose precoces, assim como desaceleração do crescimento e desenvolvimento sexual, atraso na menarca (1ª menstruação) e riscos de infertilidade, assim como prejuízo no funcionamento de órgãos vitais, como coração, o cérebro e os rins.

 


Complicações clínicas da Anorexia Nervosa:

 

  • Grande perda de massa muscular, pois o organismo utiliza a proteína dos músculos como fonte de energia. O metabolismo então desacelera, em uma tentativa de poupar energia

 

  • Os batimentos cardíacos se tornam irregulares e, em casos extremos, pode haver parada cardíaca e morte, principalmente quando existem métodos purgativos (vômitos, uso de diuréticos e laxantes) associados

 

  • Alterações hormonais e suspensão da menstruação

 

  • Desidratação, cálculos renais e insuficiência renal

 

  • Esvaziamento gástrico lento, causando sensação de empachamento

 

  • Desnutrição

 

 

Fonte: PROATA/UNIFESP - www.psiquiatria.unifesp.br